REGULAMENTO

Acreditando na pluralidade de falas e na diversidade das vozes, a Editora Escureceu pretende reunir na antologia Fábulas e lendas africanas reimaginadas contos inéditos e capazes de dialogar com a sociedade, servindo-se da moral presente em lendas africanas.

Buscamos conhecer e avaliar contos de ficção de todos os gêneros. As estruturas das histórias deverão ser desenvolvidas a partir de alguma lenda ou fábula africana. Daremos prioridade para histórias capazes de reforçar a moral presente na lenda ou fábula escolhida.

1. DA PARTICIPAÇÃO

1.1 Poderão participar participantes residentes no Brasil, que se considerem pessoas negras e sejam maiores de 18 anos;

1.2 Cada participante poderá submeter até 2 (dois) contos para avaliação. No entanto, um participante não poderá ter mais de 1 (um) conto selecionado.

2. DA AMBIENTAÇÃO

2.1 Os contos não precisam ser ambientados em território africano ou ter alguma ligação direta com o continente. Basta que tomem como base estrutural uma lenda ou fábula africana.

2.2 Quanto à temporalidade do conto criado, não há restrição narrativa. Desse modo, os contos poderão se passar no tempo passado, presente, futuro ou em qualquer recorte narrativo.

3. DA SUBMISSÃO

3.1 Os contos deverão ser enviados somente por meio do Formulário de Submissão disponível no site da Editora Escureceu, na página deste projeto.

3.2 Serão aceitos contos em língua portuguesa entre 1.300 e 2.500 palavras. Qualquer recebimento fora deste padrão será automaticamente descartado.

3.3 Os contos deverão ser enviados em PDF e formatados em Times New Roman, em conformidade com o Modelo padrão de formatação de texto elaboradopor Rodrigo van Kampen que pode ser baixado em docx ou pdf. O nome do arquivo deve conter, na primeira página, o nome completo do participante, pseudônimo (caso queira utilizar), título do conto, e-mail, telefone e endereço.

3.4 Só serão aceitas submissões para esta antologia até o dia 20 de janeiro de 2020. No entanto, caso a Editora Escureceu encontre necessidade de prorrogação do prazo, esta data poderá ser postergada.

4. DA AVALIAÇÃO

4.1 Só serão aceitos contos originais e inéditos escritos por pessoas que se considerem como negras/pretas.

4.2 Não serão aceitos contos que:

  • Fujam das propostas e padrões descritos neste regulamento;
  • Já tenham sido publicados parcial ou integralmente;
  • Tenham conteúdo discriminatório.

4.3 Os critérios de avaliação dos contos submetidos serão: criatividade e adequação à lenda ou fábula proposta, fluidez textual, bom uso da gramática e ortografia;

4.4 A decisão da comissão julgadora é soberana.

5. DO RESULTADO

5.1 Os participantes contemplados com a publicação serão avisados por e-mail no dia 15 de fevereiro de 2021 e deverão acusar o recebimento do aviso, dando início ao processo contratual. Caso a Editora Escureceu encontre necessidade de prorrogação do prazo, esta data poderá ser postergada.

5.2 Os participantes selecionados só poderão anunciar a seleção publicamente após o anúncio oficial nas redes sociais da Editora Escureceu. Este anúncio será feito após a assinatura de todos os contratos.

5.3 Serão selecionados e publicados, no mínimo, 12 (doze) contos. A Editora Escureceu se reserva ao direito de convidar participantes para participações na escrita do prefácio e/ou epílogo, bem como contos adicionais.

6. DA PUBLICAÇÃO E DIREITOS AUTORAIS

6.1 Todos os contos passarão pelos processos de preparação e revisão textual, podendo sofrer alterações propostas pelos profissionais da Editora Escureceu. Ao submeterem seus contos, os participantes permitem a divulgação e o trabalho de edição em todas as suas fases.

6.2 O livro Fábulas e lendas africanas reimaginadas participará de uma campanha de financiamento coletivo no Catarse, em modelo Flex.

6.2.1 Os participantes não têm obrigação de apoiar a campanha ou garantir um número específico de exemplares. No entanto, o volume da tiragem e investimento no livro dependerá da quantia arrecadada neste financiamento. Logo, a Editora Escureceu espera que os participantes mantenham-se engajados na fase de arrecadação.

6.2.2 A primeira tiragem do livro Fábulas e lendas africanas reimaginadas será de 500 exemplares.

6.2.3 Os Direitos participanteais da primeira tiragem do livro Fábulas e lendas africanas reimaginadas, impresso por meio de financiamento coletivo, serão convertidos em uma taxa simbólica de R$100 por participante + a impressão e envio de 5 livros para cada, que poderão ser comercializados pelo participante.

6.2.4 Caso a primeira tiragem de 500 exemplares se esgote e a Editora Escureceu deseje imprimir uma nova tiragem, um novo contrato será firmado entre os participantes da obra, estabelecendo um percentual de Direitos Autorais a ser dividido entre os selecionados.

6.3 O período de exclusividade do conto publicado pela Editora Escureceu será de 1 (um) ano. Após o término do contrato, os participantes poderão publicar os contos por conta própria, caso desejarem.

Envie seu conto

Cada autor pode enviar até 2 contos. Submeta seu arquivo de acordo com o padrão do regulamento e boa sorte!